Número total de visualizações de página

domingo, 1 de janeiro de 2012

Pensava que não tinha muitos desejos para 2012, mas afinal...

É sempre um bom princípio, ou seja, ter muita saúde.

Conseguir ser mais feliz com os pequenos prazeres da vida.

Não é fácil, mas prometo que vou colocar a minha teimosia em acção e tentar.

Vencer os demónios que me fazem gelar de noite e acordar com medo da vida.

Aprender a ignorar a maldade, a inveja e o ressentimento mal direccionado de muita gente.

Às vezes sinto-me tão perdida...

Pelo menos 366 vezes neste ano!

Das melhores coisas da vida...

É inevitável!

As tradições são para ser mantidas.

No caso o meu pai. Está aqui pelo meio, como quem não quer a coisa, mas é o meu maior desejo.

Apesar da crise, do calor e da poluição.

Está visto que precisava de dois verões...

Pelo menos uma vez por ano. Desconfio que é uma questão de sobrevivência...

  No interior da nossa cidade, várias vezes por semana.

Começando já hoje com "Les Petits Mouchoirs"

E reler pela quarta vez o "Primo Basílio".

Já estou com água na boca e sem palavras...

Aperfeiçoar cada vez mais o francês.

A futilidade também faz parte da vida.

Ando a ver se ganho coragem.

Queria tanto!

Não são necessários comentários!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.